• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Trabalho de Parto Prematuro (TPP)

12/11/2020 fotoTrabalho de Parto Prematuro (TPP) é definido como aquele iniciado antes de completada a 37ª semana de gestação.

Trabalho de Parto Prematuro (TPP) é definido como aquele iniciado antes de completada a 37ª semana de gestação.

O parto prematuro é a principal causa de morbidade e mortalidade neonatal. Cerca de 75% dos nascimentos prematuros são decorrentes da prematuridade espontânea.

Os principais fatores de risco associados à prematuridade são a prematuridade anterior, com maior risco de recorrência, e infecções durante a gestação.

Mas nem tudo são más notícias quando se trata de parto prematuro. Muitas vezes, os médicos conseguem atrasar o nascimento. Quanto mais tempo o bebê tiver para se desenvolver dentro do útero, e mais próximo da data prevista, menor a probabilidade de intercorrências.

Alguns sinais de parto prematuro são dores nas costas (geralmente na região lombar); contrações a cada 10 minutos ou ainda mais frequentes; aumento da pressão na pelve; sangramento vaginal, dentre outros.

Se você tem história de bebê prematuro ou apresentar qualquer um desses sintomas, não hesite em procurar o seu médico de confiança ou maternidade de referência.

por Adriano Paião, especialista em Ginecologia e Obstetrícia, membro do Conselho Científico da ONG Prematuridade.com e atuante em gestação de Alto Risco desde 2006.



Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se