• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Prematuros e transtornos psiquiátricos na adolescência

07/08/2011


     "Bebês prematuros correm maior risco de certas doenças psiquiátricas na adolesência, incluindo hiperatividade, déficit de atenção e depressão. Estes problemas são resultado de lesões cerebrais que afetam o desenvolvimento do córtex, bem como a conexão entre neurônios.




Fonte: http://thenatrualway.com/


     Os pesquisadores acompanharam 400 crianças prematuras nos Estados Unidos, que apresentavam ultra-sonografias cerebrais anormais ao nascimento, até completarem 16 anos de idade. Nessa idade, os participantes do estudo responderam a perguntas e realizaram testes.
     Os pesquisadores descobriram uma ligação entre as lesões cerebrais sofridas pelos bebês prematuros e transtornos psiquiátricos específicos, tais como déficit de atenção hiperatividade, tiques nervosos, transtorno obsessivo-compulsivo e depressão.
     Embora os bebês prematuros estejam em maior risco para estas lesões, foi também descoberto que elas podem ser detectadas através de ecografias cerebrais. Este achado não só fornece bases sobre as causas dos transtornos psiquiátricos em prematuros, como também pode ajudar a preveni-los no futuro.
     Concluiu-se que uma melhor compreensão da relação entre lesões cerebrais sofridas por prematuros e problemas psiquiátricos ao longo da vida, pode levar a um diagnóstico precoce e oportuno tratamento destas condições.
     Contudo, são necessários mais estudos para avaliar como lesões cerebrais em bebês prematuros se relacionam com outros transtornos psiquiátricos comuns do adulto, tais como a esquizofrenia."


Fonte: http://doctor.ndtv.com/storypage/ndtv/id/5297/Premature_babies_at_risk_for_psychiatric_disorders.html (03/08/11)



  • TAGS

Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se