• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Prematuro Arthur precisa de doações para cirurgia

18/04/2017 17883780_764883630345718_5675614859228185448_n

Arthur nasceu no dia 13 de abril de 2014 de uma gestação gemelar de 29 semanas e, em razão desse nascimento prematuro, teve uma hemorragia cerebral que o deixou com Paralisia Cerebral Quadriplégica Espástica. Ao contrário do que todos pensam e o que o nome da doença representa, Arthur não se encontra paralisado. Ao contrário, é uma criança muito alegre, sorridente e esperta, mas que possui sequelas motoras que o impossibilitam de fazer movimentos simples devido à grande espasticidade (enrijecimento inadequado da musculatura). Essa “espasticidade” faz com que ele não consiga realizar tarefas simples para outras crianças como: se sentar sozinho, se levantar, andar independentemente, etc. E, com o passar do tempo, esse enrijecimento também provocará deformidades nos membros fazendo com que ele precise realizar várias cirurgias ortopédicas de correção.

Desde bebê, este guerreirinho realiza diversas terapias, mas que, infelizmente, não serão suficientes para que ele possa andar e ter uma vida mais independente. A boa notícia é que no final do ano passado, Rodrigo e Letícia, pais do pequeno, souberam de uma cirurgia chamada Rizotomia Dorsal Seletiva (realizada na medula espinhal), que consiste em liberar esta musculatura diminuindo este enrijecimento. Essa cirurgia é realizada nos Estados Unidos (St. Louis) pelo Dr. Park (inventor da técnica), mas ela apresenta um custo muito alto para a família (em torno de U$60 mil).

"Não há um dia que não deixamos de agradecer todas as conquistas que ele já teve (e foram muitas). Mas meu grande sonho, como mãe, além de querer reduzir a necessidade de cirurgias futuras, é vê-lo uma criança independente, conseguindo realizar as suas vontades por si só, andando e correndo por aí!", diz a mãe, Letícia Salomão.

Por isso, a família lançou este mês uma campanha para arrecadar doações para que o Arthur possa, assim como qualquer criança da sua idade, andar sozinho, correr e pular. A campanha #VaiArthur tem o objetivo de arrecadar fundos para realização da cirurgia e possibilitar a estadia nos EUA durante 1 mês para realização do acompanhamento médico solicitado.

Segue o recado da família: Se você acha que pode ajudar de alguma forma, junte-se à nós! Orações, compartilhamentos da página e da campanha, doação de recursos, TODA e QUALQUER AJUDA será muito bem vinda! 

#VaiArthur no Facebook: onde você pode acompanhar as notícias sobre o pequeno.
#VaiArthur no site Vakinha: onde você pode realizar doações.

Abaixo, o vídeo contando mais da história dele: 



Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se