• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Laura, minha guerreira

20/04/2018 Laura.

"Bom, tudo começou na madrugada do dia 12 para 13 de agosto de 2017. Acordo às 03:20 da manhã e percebo que minha bolsa havia estourado. No primeiro momento, senti medo, pois sabia q ela precisaria ficar na UTI, devido ao seu baixo peso, pois uma semana antes eu tinha feito uma ultra e ela estava abaixo do peso. 

Acordei meu esposo e fomos para a maternidade. chegando lá, me internaram. Como não tinha contração e nem dilatação, às 14:20 do dia 13 começaram a induzir meu parto. Laura nasceu às 08:25 do dia 14/8/17, com 35 semanas, 1,925kg e 45cm.

Ao mesmo tempo que fiquei feliz, tive medo dela não conseguir sobreviver. Tive ela alguns segundos nos braços antes dela ir para UTI. Apesar do baixo peso, nasceu linda, perfeita e saudável. O fato de você entrar em uma UTI é desesperador. Ver seu bebê sendo alimentado por sonda, sendo monitorado 24 horas por aparelhos, sendo furado a cada hora... É angustiante demais!

Assim que nasceu, iniciaram o antibiótico para uma possível infecção, isso me deixava aflita. Mas, graças a Deus, ela não pegou infecção, tomou apenas 4 dias de antibiótico. Minha guerreira ficou apenas 5 dias na UTI e mais 4 na maternidade em observação. Pode parecer pouco tempo na UTI, porém só quem passou por ela sabe a angustia, o medo e o desespero que dá.

Hoje, outubro de 2017, ela está com 2 meses de nascida e na idade corrigida irá completar 1 mês dia 22/10."

(relato da mamãe Mariana Monique, enviado em 2017)



Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se