• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Joyce Isabelle, meu milagre divino

08/06/2017 joyceisabellecomlogo01

"Boa noite! Eu tive um aborto espontâneo quando tinha 3 meses. Não sei realmente o que houve. Mas, depois de 3 meses, engravidei novamente.

No dia 16/12/15, eu estava ainda com 32 semanas. Ma madrugada desse dia 16, eu perdi o líquido amniótico, achando que era apenas xixi. Pela manhã, fui ao meu ginecologista e o mesmo me encaminhou para o hospital especializado em bebês prematuros. Chegando no hospital, fiz uma bateria de exames e tomei injeção para amadurecer o pulmão. E tentaram segurar por mais tempo.

Mas, na madrugada do dia 19/12/15, comecei sentir contrações fortes. E passei o dia todo sentindo dores! Às 20:45, a minha princesa veio ao mundo, com 32 semanas e 5 dias, pesando 2,355kg com 44cm. Ficou na incubadora por 2 dias e meio. E depois foi para o quarto comigo.

Minha maior dificuldade foi amamentá-la. E meu desespero foi saber que a minha pequena tinha suspeita de microcefalia, pois na gravidez eu tive a tal da zika. Mas, Deus é bom, o tempo todo e todo o tempo, Deus é bom. Ficamos 14 dias internadas. Mas, graças a Deus, nenhuma sequela.

Ela fez fisioterapia até os 8 meses para estímulo precoce. Mas, nem nos movimentos não parece ser uma criança prematura. Hoje com 9 meses (amanhã irá fazer 10 meses) ela pesa 10,5kg. Só tenho que agradecer a Deus e aos médicos e enfermeiros. Ser mãe de um bebê prematuro é ter a capacidade de amar mais ainda minha princesa Joyce Isabelle!"

(relato da mamãe Jacilene Pereira de Mesquita, enviado em 2016)



Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se