• Parceiros oficiais:
  • Efcni
  • March of Dimes
Arraste para navegar

Entenda a linguagem corporal do prematuro na UTI

10/04/2014


Por Jodi RN

Antes do meu nascimento

Eu estava crescendo na minha casa quente, escura e confortável. Eu ouvi os sons da batida rítmica do coração da minha mãe, a barriga dela roncando, e ruídos intestinais trovejando ao longe. Eu podia ouvir sua voz suave e gentil, abafada pelas grossas paredes do meu ambiente protegido. Eu estava em cadência com sua mudanças de dia e atividades noturnas. Os movimentos de balanço dela ao caminhar foram calmante para meus sistemas em desenvolvimento. Senti os meus próprios membros se moverem contra o fluido quente e protegido que me rodeava. Eu pratiquei muitas vezes sugando meus polegares e dedos em rajadas curtas, tudo para estar preparado para o mundo real que estava aguardando a minha chegada. Minha casa foi perfeita para mim, e, embora, eu passei a maior parte do meu tempo enrolado e dormindo, eu me senti confortável e protegido no meu ambiente.

[caption id="attachment_13039" align="aligncenter" width="300" caption="Foto: Reprodução/Peek a Boo ICU"][/caption]

No ambiente novo da UTI Neonatal

Agora eu estou crescendo e aprendendo em um mundo totalmente novo. Um mundo que eu não esperava (e eu tenho certeza que você não esperava também.) A UTIN pode ser assustadora, para nós dois! Por favor, seja paciente comigo, enquanto eu aprendo o meu novo ambiente, a minha volta, e como reagir a eles.

Eu falo com você na única língua que eu sei, pelo meu comportamento. Se você prestar bem atenção à minha linguagem corporal, você pode aprender o que estou tentando lhe dizer e como reagir a isso para me dar o melhor começo possível.

Eu posso lhe ouvir!

Minha audição foi bem desenvolvida durante 20 semanas de gestação.
Eu posso escolher ouvir a voz da minha mãe e eu a prefiro sobre todas as outras vozes que ouço.
Eu vou te mostrar que eu não gosto ruídos altos, (seja franzindo as sobrancelhas ou me assustando) como alarmes, portas da incubadora que fecha bruscamente, e vozes altas.
Eu gosto mais de ouvir tons médios do que tons altos, por isso, lembre-se disso ao usar a conhecida "fala de bebê" comigo.
Eu gosto de música suave; ela pode ser um calmante para mim na transição entre os meus ciclos de sono.
(Temos diversas publicações falando dos benefícios da música para os prematuros, acesse aqui.)

Estou tentando o meu melhor para te ver!

Meus olhos demoram mais para amadurecer do que a minha audição, então, por favor, seja paciente comigo enquanto eu tento me concentrar no meu novo mundo. No início, eu vou passar apenas breves períodos de tempo com os olhos abertos e não consigo me concentrar em nada. A medida em que eu crescer e ficar mais forte, vou abrir os olhos à luz suave ou escurinha e começar a focar nos objetos. Adoro ver rostos!
Luzes brilhantes incomodam os meus olhos e me farão piscar e fechar os olhos com desconforto. A luz intensa acompanhada de muito som pode ser superestimulante para mim. Eu posso começar a lhe mostrar os meus sinais de estresse ao jogar a mão na minha cara, como se estivesse acenando. Eu posso começar a soluçar, cuspir, ou até mesmo cair o meu ritmo cardíaco e os níveis de oxigênio. Por favor, lembre-se da importância do meu ambiente quando você interagir comigo.

Eu durmo demais!

Eu tenho dois estados de sono, sono tranquilo e sono ativo. Eles são muito importantes para o meu crescimento e desenvolvimento. O meu cérebro está criando novos caminhos e aperfeiçoando a minha fiação durante esses ciclos, então, por favor, preste muita atenção neles e seja consciente de quando você me acordar ao me visitar.

Sono profundo (também chamado de sono tranquilo ou sono não-REM): Isso é quando eu estou muito calmo. De vez em quando, você pode  me ver assustado ou suspirando, mas a minha respiração é bastante uniforme e rítmica. Este sono profundo é o meu estágio mais tranquilo de sono e é importante para o meu crescimento e desenvolvimento. No entanto, eu vou ter muito pouco sono profundo até estar mais perto da idade a termo.

Sono leve (também chamado de sono ativo ou sono REM): Quando estou em um sono leve, eu vou me mover um pouco e talvez eu possa fazer pequenos ruídos. A minha respiração é irregular e as minhas pálpebras podem vibrar de vez em quando. Os meus olhos podem abrir brevemente e você pode me notar revirando os olhos para trás da cabeça. Não se preocupe; isso é bom e muito normal. Eu vou passar a maior parte do meu tempo no sono leve. Assim que eu ficar mais velho e mais forte, eu vou começar a ter mais períodos de sono REM e, em seguida, um sono mais profundo.

Pode ser difícil dizer quando eu estou dormindo e quando eu estou acordado porque eu vou ficar com os meus olhos fechados a maior parte do tempo. Eu posso me espreguiçar, fazer barulhos, e abrir os olhos brevemente e voltar ao sono leve várias vezes antes de eu realmente acordar.
Eu posso apenas passar de 2 a 5 minutos de cada vez em um estado de sono profundo antes de voltar a um estado de sono leve. Durante cada um dos meus períodos de sono, vou passar por dois ou três ciclos de leve-profundo-leve. É importante para mim ser capaz de terminar os meus ciclos de sono, pois esse é o momento na qual eu cresço e me desenvolvo, por isso, ouça e olhe para a minha linguagem corporal para saber quando é o melhor momento para interagir comigo.

(Aqui temos outras dicas para o seu bebê prematuro ter uma ótima noite de sono em casa.)

Por favor, preste muita atenção aos meus sinais sutis
Porque o meu sistema nervoso (meu cérebro) está continuando a se desenvolver e a crescer no meu novo ambiente da UTIN, você pode perceber algumas coisas sobre mim:

Eu posso ter problemas para lidar com vários tipos diferentes de coisas acontecendo ao mesmo tempo. Se você falar comigo e me olhar nos olhos ao mesmo tempo, ou falar comigo enquanto eu estou me alimentando, eu posso ter dificuldade em me concentrar no que eu preciso fazer. Eu posso ficar confuso, oprimido, e superestimulado. Eu posso não ter a energia para chorar para mostrar que eu sou infeliz, mas posso me comunicar com você de maneiras diferentes. Você pode aprender a minha língua secreta prestando atenção à minha linguagem corporal.

Quando eu estou estressado ou infeliz:
- Eu posso ter alterações de cor. Eu posso parecer cinza, manchado, ou posso até ficar azul em condições de profundo estresse.
- Eu posso endurecer os braços e as pernas, abertos, em um estado desorganizado.
- Eu posso mostrar que estou superestimulado pelo barulho e pelo meu ambiente através de engasgos, soluços, ou, até mesmo, cuspindo para cima.
- Eu posso abrir a mão inteira, cobrindo o meu rosto e mostrando-lhe um movimento como se acenasse.
- Posso ficar irritado, virar, e voltar a dormir. Se eu fizer isso, por favor, não tente me acordar pegando nos meus dedos, alisando a minha pele, ou chamando o meu nome. Eu simplesmente não estou pronto para interagir e precisa guardar a minha energia para crescer.

Quando eu estou estável ou feliz:
- Eu vou estar na cor rosa.
- Vou estar livremente enrolado em um modo flexionado e organizado.
- Vou acordar devagar e começar a focar a minha atenção em sua voz.
- Os meus movimentos serão suaves e vou trazer as minhas mãos em direção ao meu rosto.
- Eu vou chupar os meus dedos ou a chupeta.
- Eu posso abrir os olhos e começar a se concentrar no meu ambiente.
- Quando eu estou feliz, eu gosto de me aconchegar, e o método canguru é a minha maneira favorita para fazer a transição de volta para o estado de sono de crescimento.

Eu sei que você deve estar super animado que eu estou aqui, mas também um pouco nervoso que eu acabei chegando mais cedo. Aprender os meus sinais, o que eu posso e o que não posso fazer, os meus gostos e desgostos, e a minha linguagem especial de prematuro, vai ajudar tanto eu quanto você nessa transição para este mundo novo e assustador. Por favor, lembre-se de ser paciente comigo enquanto eu aprendo e cresço.

Acesse nossa seção especial sobre "Cuidados com o bebê" para ler mais sobre o assunto.

Fonte: Peek a Boo ICU


  • TAGS

Tem um bebê
prematuro?

Preencha nossos cadastro e ajude
a direcionar as ações da nossa ONG

Cadastre-se